Eficiência energética nos condomínios

Eficiência energética nos condomínios

Segundo o INE, nos censos de 2011, podemos considerar que em Portugal existirão cerca de 250 000 edifícios definidos como condomínios.

Segundo o INE, nos censos de 2011, podemos considerar que em Portugal existirão cerca de 250 000 edifícios definidos como condomínios (mais do que 4 frações e 3 ou mais pisos).

Através dos dados de mercado recolhidos pela ANIEER durante o projeto europeu “E4- Energy Efficient Elevators and Escalators”, levado a cabo pelo ISR da Universidade de Coimbra, foi possível estabelecer que o número total de elevadores em Portugal, deverá ser de aproximadamente cerca de 140 mil, divididos pelos tipos de edifícios e pela sua tecnologia.

Estes valores são demonstrativos da relevância dos elevadores nos condomínios habitacionais e de serviços.

Também é do senso comum que os custos de manutenção e de consumo de energia associados ao funcionamento dos ascensores nos condomínios têm um peso significativo nas despesas das áreas comuns dos edifícios, variando em termos médios entre 25 e 35% do orçamento anual.

Fernando Cruz
Presidente da Direção da APEGAC – Associação de Empresas de Gestão e Administração de Condomínios

Para ler o artigo completo faça o download gratuito da “elevare” nº16. Verifique o seu email após o download. Pode também solicitar apenas este artigo através do email: a.pereira@cie-comunicacao.pt

Outros artigos relacionados

Translate »